comprar óculos de grau
O que saber antes de Comprar Óculos de Grau? Veja as Dicas
28 de setembro de 2021
ótica barueri
Ótica Barueri: A mais conceituada ótica da cidade
26 de outubro de 2021

Tipos de Lentes de Óculos: Qual a Melhor?

tipos de lentes de óculos
 

Quem descobre que tem problemas de visão e procura solucionar, costuma enfrentar um grande obstáculo: conhecer os diferentes tipos de lentes de óculos. São diversas opções disponíveis e elas servem para problemas específicos, mas como entender qual é o melhor para a sua situação?

Neste artigo, vamos conversar um pouco sobre as lentes de óculos e seus tipos, deixando bem claro quais são eles e para que tipo de contexto cada um serve. Está pronto para tirar de vez suas dúvidas? Basta continuar lendo até o fim para entender!

Primeiro passo: conheça seu problema

Antes de saber quais são os tipos de lentes de óculos disponíveis no mercado, é importante entender que existem diferentes problemas de visão. Eles só podem ser diagnosticados com um médico especializado, o oftalmologista.

É essencial que a consulta e a compra dos óculos seja próxima. Caso você demore muito, pode acontecer de o grau aumentar ou um novo problema surgir e, assim, a recomendação deixa de ser útil.

Em relação aos problemas de vista, eles costumam ser três:

  • Miopia, quando o paciente tem dificuldade em enxergar o que está longe;
  • Hipermetropia, quando o problema é ver o que está perto;
  • Astigmatismo, para quem tem a visão distorcida no geral.

É importante lembrar que uma mesma pessoa pode ter mais de um problema ocular simultaneamente. Por isso é importante ter uma consulta com o oftalmologista e entender sobre os diferentes tipos de lentes de óculos para conferir se realmente resolve a sua necessidade.

A seguir, confira em detalhes cada um deles e se mantenha informado.

Tipos de lentes de óculos

Existem diversos aspectos quando levamos em consideração a lente dos óculos de grau, como o tipo de correção que é possível fazer, o material de fabricação e até mesmo características adicionais para resolver casos mais específicos.

Para entender melhor, separamos os tópicos de acordo com cada um desses fatores.

Correção do grau

Esta separação é feita de acordo com os problemas de visão que citamos anteriormente. Cada tipo de lente de contato é capaz de resolver problemas específicos, como por exemplo:

  • Lentes simples: resolvem casos isolados, como miopia e hipermetropia, além de situações conjuntas, como miopia + astigmatismo, hipermetropia + astigmatismo, etc.
  • Lentes bifocais: devem ser usadas por quem possui presbiopia, ou seja, quem sente a vista cansada com frequência. Recebe o termo “bifocal” por fazer uma correção da vista de perto e de longe ao mesmo tempo.
  • Lentes multifocais: possui grande semelhança com as bifocais e também é recomendada para pessoas com presbiopia.
  • Lentes regressivas: este modelo também é indicado para quem tem a vista cansada, mas especificamente devido ao uso de telas com frequência, como celular, computador, etc.

Viu só como funciona? Os tipos de lentes de óculos se adaptam a cada situação. Mesmo que mais de um modelo sirva para um mesmo problema, como é o caso da presbiopia, existem especificidades, a exemplo das lentes regressivas, que são ideais para quem tem a vista cansada e usa telas eletrônicas constantemente.

Mas, como já dissemos, esse não é o único critério de diferenciação entre elas. Um outro tópico importante é a composição das lentes. Que tal conhecer um pouco mais sobre os materiais mais comuns?

Fabricação dos tipos de lentes de óculos

Existem basicamente dois materiais principais quando falamos sobre o processo de fabricação, sendo eles:

  • Policarbonato: recomendado para pessoas com problemas de vista mais leves, com pouco grau. As lentes são mais simples e, consequentemente, mais leves;
  • Resina:  ao contrário do policarbonato, esta serve para compor lentes de quem possui um grau mais alto. Resultam em um produto mais grosso e indispensável ao usuário;
  • Tribrid: são resistentes e protegem contra raios UV, além de resultarem em uma lente leve;

Como deu para perceber, todos os materiais possuem grande foco na capacidade de resistência das lentes. Isso é essencial, já que os óculos, caso sofram algum problema, como arranhões ou quebra, podem prejudicar ainda mais a vista do usuário.

Apesar de isso ser o básico, os óculos vão além e oferecem diversas características especiais para alguns modelos. Elas fazem com que a experiência seja ainda melhor e dê ao usuário a sensação de estar enxergando normalmente com o máximo de qualidade possível.

Para entender melhor quais são essas funções, basta continuar lendo!

Funções especiais dos tipos de lentes de óculos

Como o próprio nome já dá a entender, essas características não são fundamentais. O paciente ainda consegue enxergar normalmente com óculos sem elas, apesar de a experiência não ser tão excelente quanto poderia ser.

Mas, afinal, quais são elas e para que servem?

Anti-risco

Como o próprio nome já diz, esta característica tem como objetivo deixar os diferentes tipos de lentes de óculos o mais protegido possível. É algo muito importante, pois previne incidentes e faz com que a durabilidade aumente bastante.

Assim, acaba sendo um investimento a longo prazo: você paga um valor a mais inicialmente, mas garante que usará a lente ao máximo.

FIltro para luz azul

Na era da tecnologia, em que as pessoas passam cada vez mais tempo em frente às telas, o risco de desenvolver um problema de vista é grande. Por isso, uma recomendação para esse tipo de paciente é usar lentes com filtro azul.

Elas dão mais conforto para lidar com a luz artificial das telas e evitam que a visão fique cansada, sendo recomendadas para quem trabalha em frente ao computador ou celular, por exemplo.

Anti-reflexo

Sabe quando você tira uma foto usando óculos e toda a paisagem fica refletida na lente? Esse tipo de situação pode ser evitada com o anti-reflexo. Em situações do dia a dia, esse ponto pode ser muito incômodo, principalmente quando os raios do sol batem no óculos e causam uma distorção na visão.

Essa propriedade é bem comum e cada vez mais pessoas são adeptas ao anti-reflexo.

Lente fotossensível

Você provavelmente já deve ter visto alguém usando um modelo de óculos em que as lentes mudam de cor, certo? Isso acontece graças ao efeito fotossensível! 

Ele faz com que o objeto se ajuste à luminosidade do ambiente. Ou seja, quando está claro, as lentes ficam escuras, e o inverso também acontece. É uma medida muito prática, pois protege os olhos de qualquer agressão que possa ser causada pela luz.

Quais tipos de lentes de óculos escolher?

Com tanta opção, você pode acabar ficando confuso sobre qual é a melhor lente do mercado. No entanto, a resposta é fácil: tudo depende do seu contexto.

É essencial fazer a consulta com o oftalmologista para, assim, entender qual problema de vista precisa ser resolvido. Só a partir daí você pode visitar uma ótica, como a LM Ótica, e ir montando o seu modelo de acordo com o que é necessário.

Caso o médico recomende o uso de funções especiais, não ignore! Elas podem fazer uma grande diferença no dia a dia e, como dissemos, são um investimento a longo prazo. Você pagará a mais no começo, mas vai agradecer futuramente e sua visão estará mais protegida.

Para voltar a enxergar bem, basta entrar em contato! Estamos disponíveis no e-mail ou no WhatsApp, caso queira uma conversa mais rápida. Não deixe para depois, temos certeza que os seus olhos agradecerão. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *